PRECISO MUDAR E AGORA?

preciso mudar, mude vida agora, não conte sua vida a ninguém, não conte seus planos a ninguém, não conte seus sonhos a ninguém, quero mudar minha vida por onde começar

Olá ninas e ninos.

Como vocês estão meus amados leitores? Estão precisando tomar decisões neste momento, tipo para ontem? Então como diria a pensadora contemporânea Anitta: “DESCE”. Desce a rolagem e acompanha o artigo.

Todos nós precisamos mudar em algum momento de nossa vida. E geralmente não sabemos por onde começar. Alguns sentem a necessidade de pedir opinião antes da mudança, outros pedir permissão e ainda existem aqueles que indiretamente sentem a necessidade da aprovação. Cada ser humano com seu quadrado para poder lhe dar melhor com essas situações.

Mas o que aconselho a todos é que comece a mudança dentro de você e em silêncio. Quem bem sabe suas necessidades, dores, anseios, transformações e todos os dilemas da sua alma é você meu precioso leitor. Em algum momento da vida precisamos ter uma alto DR. Fugir disso não está aliviando nada; apenas somatizado futuras enfermidades em seu corpo; procrastinando projetos e frustrado sonhos que são seus. Há momentos que na vida tomamos atitudes que apenas nos prejudicam. Até parece que nos odiamos!

Já teve esse pensamento…? Não de coitado; mas da necessidade de sempre agradar; procura fazer tudo “certinho” para os outros!

LEIA TAMBÉM:

E esquecendo que a necessidade são suas e não do outro. Não adianta familiares, amigos, instituições, conjugue, o mascote… Tudo que é sufocado em você, vai procurar alguma forma de aparecer em você amanhã. Através de um dor física, psicológica, depressão, fobia ou alguma outra maneira. Aprenda algo importante sobre você. Seu corpo fala e as vezes grita. E precisamos nos alto conhecer para melhor viver com esse corpo carnal.

“Quem pensa por si mesmo é livre…” Legião Urbana, la Ventura

Então compreenda que atitudes são tomadas por você e apenas comunicadas aos outros. Tudo que você espera de apoio dos outros pode talvez não encontrar. Lute por você e não para ser aceito. Sabe aquele tipo de frase sempre vista nos pôster do Facebook? Tipo assim… O.que ninguém sabe, ninguém atrapalha. Basicamente isso. O que ninguém sabe (já que não deseja ajudar), ninguém atrapalha (menos um para encher seu saco).

Não culpemos a inveja, nem o gosto dos outros. O que mais pesa antes de comunicar algo aos outros é saber se temos certeza da decisão. Quando você tem certeza de sua decisão. Já fez planos, cálculo, todo tipo de suposições; você criou dentro de si a segurança necessária para ousar em busca de seus sonhos.

Você só consegue ter firmeza naquilo que conhece. Quando tiver pronto para tomar a decisão, comunique a quer por de práxis, não muito tempo antes. Para não ficar sofrendo com os bombardeios de “se não ser certo “e tipo ” tem certeza “; e, por aí a fora.

preciso mudar, mude vida agora, não conte sua vida a ninguém, não conte seus planos a ninguém, não conte seus sonhos a ninguém, quero mudar minha vida por onde começar

Você vai aprender que a melhor maneira de mudar é de dentro para fora. E que seu comportamento indiretamente e de forma involuntária vai demonstrar isso. Vai viver de forma magnífica e esplêndida. Cheio de paixão pela vida e sem ser sufocado. Vá viver!

Lute por você e não para ser aceito. Tony Miranda

Se for para soar a camisa, que seja por aquilo que vale apena. Se for para rir que seja de prazer e não por educação. Se for trabalhar que seja por aquilo que preenche coração e não apenas o seu bolso.

Espero ter ajudado meus caros e preciosos leitores. Ajude a divulgar o Blog Fala Ele, compartilha nas suas redes sociais. Um grande abraço e já sabe… não deixa de me visitar!

Continue Reading

Minha crônica confusa

Uma crônica incompleta

Nem tudo que temos dentro conseguimos expressar com clareza.

Olá ninos e ninas.

Sabe, a vida é muito doida. Não que eu e você não sejamos, mas isso ninguém precisa saber!

Desde o tempo da escola, antigo ginásio. Eu sempre sonhei em embarcar no mundo das letras. Vivia no mundo dos sonhos e fantasias, para fugir de tristes realidades. Era tão difícil imaginar a velhice do mesmo jeito que toda minha existencia; desde o útero até a juventude.

“Jovem, jovem ainda, porque amanhã velho será; já dizia um grande comediante pobre, personagem Chaves.”

Uma caneta e um papel sempre foram meus amigos. Se naquela época do século XX existisse rede social, principalmente Facebook, de toda certeza estaria compartilhando na rede: “em um triângulo amoroso com o lápis e o papel.”

gosto de escrever

Escrever era minha libertação. Um grito que não podia dá. Poderia ser quem eu quisesse no papel. Teria o poder infinito de resolver problemas, salvar vidas, descobrir quem eu era.

Mas quando largava o papel e saia da fantasia. A realidade era tão dolorosa, grotesca, miserável, triste. Quão difícil era usar os meus poderes de personagem de ficção no mundo real.

Não conseguia imaginar poder viver no mundo real e ser feliz; e, realizar a fantasia sem mexer em outros mundos.

Quem nuca teve sua ilusão, ou conto de Cinderela. Nem mesmo se fosse a própria Cinderela iria ser fácil de resolver tantas questões.

Meus textos nem sempre fizeram sentido (como este aqui). Passado alguns dias eu ia reler e ficava imaginando quem tinha sido o sem noção que escreveu aquilo (risos).

Imagina se alguém fosse ler. Iria se sentir como se estivesse fumando maconha. Mas isso para mim era bom. Não gostaria que ninguém entendesse meus sentimentos, segredos e medos.

Mas hoje? Nem tanto.

Sou um pássaro de uma gaiola aberta… Isso ainda não foi resolvido… Mas a amanhã breve será.

 

Continue Reading

O dia em que acordei Oco.

Acordar é um dos por menores, mas saber a hora de levantar e agir provoca no mundo uma ação em cadeia que nos deixa ansiosos pela reação…

Quando abri os olhos, olhei para o telhado vermelho e percebi que o dia havia começado… Começado ao meu redor, porque dentro de mim nada fazia sentido algum.

Era estranho e confuso, saber que estava ali, mas dentro de mim havia um vazio gritante. Eu queria apenas me encontrar e saber onde era ali? Mas será que fora tão difícil obter uma resposta para uma simples pergunta?

As tarefas, ao meu lado, estavam todas por fazer. Sabia que tudo aquilo era obrigação minha. Mas meu corpo estava vazio, como se minha alma tivesse saído e deixado uma casa vazia. E como voltar a viver naturalmente sendo que parte de mim, nada era real, não fazia nenhum sentido.

Uma sensação horrível! Um mundo rodeado por pessoas, por pessoas apenas. Tão grande volume de humanos sem humanidade. E eu que um dia questionei, me deparava semelhante aos demais.

crowd-of-people-1209630_1920

Não é isso que vim buscar na terra. Enquanto lutava com tantos outros concorrentes cheguei aqui para desfrutar da liberdade de viver, alegria de amar, a audácia de mudar, a coragem de evoluir.

EU VIM VIVER!

Tudo que posso acrescentar nessa terra, nada mais é que um pedacinho de mim, pois se o todo eu der fico mais vazio ainda. As pessoas não sabem aproveitar o pouco que dou, sempre querem mais. E por me doar tanto hoje estou vazio, fraco, sugado.

hiding-1209131_1920

Foi uma energia vampiresca. Dormir bem e acordei vazio. Fiquei encabulado com aquela situação, porque o meu sono não foi reparador! Será que foi nesse momento que minha humanidade se perdeu ou a roubaram de mim?

Será que devo voltar para cama. Talvez sim, seria uma das ideias mais agradáveis ao meu corpo. Deitar, fechar os olhos e esperar o cobertor do sono me envolver e assim quando minha humanidade aparecer irei agarra-la de forma segura e firme.

Mas se ela não souber voltar?

Se ela errar o caminho?

Então é melhor eu sair deste quarto escuro, jogar um pouco de vida em mim da cabeça aos pés; tomar nas mãos minhas ferramentas; me lembrar das habilidades que possuo; sair por aquela porta; correr em busca da minha humanidade. Minha fé depende disso.

E vai ser assim, que voltarei a sorrir sem segredos, a olhar com serenidade, a tocar sem temor e sonhar com os pés no chão.

Então, eu descobri como preencher meu vazio e você?

Tony Miranda

 

Continue Reading